26 junho, 2012

Dissertação sobre a ternura... -Alexandre de Castro



Dissertação sobre a ternura…


Um corpo de mulher que se esconde
na dobra de um recorte
uma boca que se abre à ternura do gesto
a mão de uma criança a desenhar a carícia…
E tudo se dissolve nos cambiantes da luz,
anulando as sombras,
como se o culminar da vida se fixasse
na exata precisão do instante…

Alexandre de Castro


Lisboa, Junho de 2012

Poema oferecido pelo autor ao Sussurros
Publicado também no Alpendre da Lua
http://alpendredalua.blogspot.be/2012/06/anotacao-do-tempo-dissertacao-sobre_30.html

8 comentários:

  1. me encanta el texto, es muy transparente.
    Un beso

    ResponderEliminar
  2. Dissertação sobre o poema (im)perfeito…

    Hoje, os deuses do Olimpo, estremunhados,
    acordaram em sobressalto. Descobriram
    um ponto de luz intensa, a aparecer na Terra,
    em todo o seu esplendor.
    O poema é tanto mais perfeito quanto mais
    as palavras obedecem à vontade do poeta,
    e eu quero que este poema seja entendido
    por quem o ouve e lê,
    no pleno fulgor do instante.

    Lisboa, Junho de 2012

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Em pleno fulgor do instante
      em que o poema se solta do punho do poeta,
      houve alguém que o leu e entendeu.
      Soube ainda pela boca dos deuses,
      que eles procuram em desespero
      a fonte de alimento dessa luz intensa.
      Que energia será essa que tudo ilumina?

      Obrigada Alexandre, por este lindo momento, de pura poesia :)
      Um beijo

      Eliminar
    2. "O lindo momento de pura poesia" foi a Sónia que o proporcionou, com a sua apurada sensibilidade poética, que aqui já tive oportunidade de elogiar várias vezes, com toda a justiça.
      Obrigado por me conceder o privilégio de ver publicados no "Sussurros" os meus modestos poemas.

      Eliminar
    3. Sou eu que agradeço Alexandre, o privilégio é todo meu!
      Obrigada. :)
      Um beijo

      Eliminar
  3. Faço as palavras de Alexandre as minhas!!

    Bjs, Flor.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada Priscila!
      Um beijo e um sorriso :)

      Eliminar

NÃO SERÃO PUBLICADOS COMENTÁRIOS ANÓNIMOS